Avaliação da aprendizagem, sim! Prova para quê?

Autores

  • Ivo José Both

DOI:

https://doi.org/10.22169/revint.v7i13.250

Resumo

Este texto é fruto de vários anos de experiência em avaliação da aprendizagem e em resultados de pesquisas que corroboram as convicções aqui expostas. O trabalho procura reafirmar a importância da avaliação como processo mediador da melhoria da aprendizagem, mas, ao mesmo tempo, põe em questão o valor pedagógico da prova. Autores que prestam apoio de sustentação ao tema são: Demo (1995), Luckesi (2004) e Santos e Santos (2001). Resultados que emanaram tanto de experiências de avaliação quanto de provas revelam que a avaliação contribui efetivamente para a melhoria da aprendizagem e do desempenho e que a prova, por sua vez, não beneficia a aprendizagem de forma direta e, por isso mesmo, seus resultados não devem ser expressos por meio de notas ou conceitos.

Palavras-chave: Avaliação. Prova. Aprendizagem. Desempenho. Notas ou conceitos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ivo José Both

Downloads

Como Citar

BOTH, I. J. Avaliação da aprendizagem, sim! Prova para quê?. REVISTA INTERSABERES, [S. l.], v. 7, n. 13, p. 67–80, 2012. DOI: 10.22169/revint.v7i13.250. Disponível em: https://www.revistasuninter.com/intersaberes/index.php/revista/article/view/250. Acesso em: 14 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigo

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)