Tecnologias digitais: uma nova "Ágora" ou um mero agora?

Palavras-chave: conhecimento, estudante, informação, tecnologias

Resumo

As tecnologias digitais estão presentes nos mais diversos segmentos da nossa sociedade. Nas escolas não seria diferente. No entanto, a presença das tecnologias em sala de aula levanta algumas inquietações: será que as tecnologias não são utilizadas como meras atualizações de práticas pedagógicas já envelhecidas e, agora, apenas revigoradas por telas, jogos, aplicativos etc? Será que a inserção de tecnologias em sala de aula é sinônimo de melhoria da qualidade do ensino? No papel desempenhado pelos professores e professoras há de se adicionar uma formação em T.I? Tantas questões e poucas respostas. Neste jogo entre tecnofóbicos e tecnofílicos uma percepção nos acompanha: o tempo da Ágora não é o agora. O tempo da instrução e da educação não acompanha a velocidade das tecnologias, pois edificar a razão e a sensibilidade demanda tempo e permanente interesse.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago David Stadler, Unespar

Doutor em História. Professor, Colegiado de Filosofia da Universidade Estadual do Paraná, União da Vitóriav

Deleon Oliveira Santos

Deleon Oliveira Santos

Mestre em Filosofia. Professor, Secretaria da Educação do Estado do Paraná, União da Vitória

 

Publicado
2022-08-28
Como Citar
Stadler, T. D., & Oliveira Santos, D. (2022). Tecnologias digitais: uma nova "Ágora" ou um mero agora?. REVISTA INTERSABERES, 17(42). Recuperado de https://www.revistasuninter.com/intersaberes/index.php/revista/article/view/2365