O uso de auriculoterapia no tratamento de doenças crônicas: uma revisão narrativa

Autores

  • Sarah Elizabeth Vidal Maul Universidade Estadual da Paraíba
  • Alanna de Almeida Cardoso Universidade Estadual da Paraíba
  • Tamires Fablicio de Castro Leão Universidade Estadual da Paraíba
  • Clésia Oliveira Pachù Universidade Estadual da Paraíba

Palavras-chave:

auriculoterapia; doença crônica; hipertensão; diabetes; obesidade.

Resumo

As Práticas Integrativas e Complementares se apresentam como alternativa para tratamento de doenças crônicas. A auriculoterapia utiliza pontos específicos da aurícula para diminuir dores, ansiedade e para controle do sono, além de contribuírem para redução do apetite e regulação metabólica do organismo, resultando em mudança de hábitos e melhora da qualidade de vida. Mediante revisão narrativa, este artigo objetivou analisar o uso da auriculoterapia para tratamento de doenças crônicas. Tal revisão ocorreu no primeiro bimestre de 2022, em artigos de acesso livre disponibilizados nas bases de dados CAPES, PubMed, MEDLINE e SciELO. A utilização da auriculoterapia em doenças crônicas, como a hipertensão, diminuiu a pressão arterial sistólica e a diastólica, logo, melhorou a qualidade de vida dos pacientes. No diabete, os pacientes apresentaram diminuição nos valores de glicemia e em relação à obesidade, além de redução do apetite. Além disso, houve melhora em outros quadros clínicos de pacientes participantes dos estudos analisados. A utilização desse método como único tratamento para essas doenças, porém, necessita de mais estudos.

Palavras-chave: auriculoterapia; doença crônica; hipertensão; diabetes; obesidade.

Abstract

The Integrative and Complementary Practices are presented as an alternative for chronic diseases’ treatment. Auriculotherapy uses specific points of the auricle to reduce pain, anxiety and to control sleep, besides contributing to appetite’s reduction and body’s metabolic regulation, resulting in a change of habits and improvement in quality of life. Through a narrative review, this article aimed to analyze auriculotherapy usage for chronic diseases’ treatment. This review took place in the first two months of 2022, in open access articles available in the CAPES, PubMed, MEDLINE, and SciELO databases. The use of auriculotherapy in chronic diseases, such as hypertension, decreased systolic and diastolic blood pressure, thus improving patients’ life quality. In diabetes, the patients showed decrease related to blood glucose values and to obesity, besides appetite’s reduction. Furthermore, there was improvement in other participating patients clinical conditions analyzed studies. The use of this method as the only treatment for these diseases, however, needs further studies.

Keywords: Auriculotherapy; chronic disease; hypertension; diabetes; obesity.

Resumen

Las Prácticas Integrativas y Complementarias se presentan como alternativa para el tratamiento de enfermedades crónicas. La auriculoterapia utiliza puntos específicos de la aurícula para disminuir los dolores, ansiedad y para el control del sueño, además de colaborar para la reducción del apetito y regulación metabólica del organismo, que resulta en cambio de hábitos y mejora en la calidad de vida. Mediante revisión narrativa, este artículo pretendió analizar el uso de la auriculoterapia en el tratamiento de enfermedades crónicas. Esa revisión se dio en el primer bimestre de 2022, en artículos de acceso libre disponibles en las bases de datos CAPES, PubMed, MEDLINE y SciELO. La utilización de la auriculoterapia en enfermedades crónicas como la hipertensión, redujo la presión arterial sistólica y la diastólica, con lo cual produjo mejoras en la calidad de vida de los pacientes. En la diabetes, los pacientes presentaron disminución en los valores de glicemia y en lo relativo a la obesidad, además de reducción del apetito. También hubo mejora en otros cuadros clínicos de pacientes participantes de los estudios analizados. La utilización de ese método como único tratamiento de esas enfermedades, sin embargo, requiere de nuevos estudios.

Palabras-clave: auriculoterapia; enfermedad crónica; hipertensión; diabetes; obesidad.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sarah Elizabeth Vidal Maul, Universidade Estadual da Paraíba

Graduanda de Fisioterapia, Universidade Estadual da Paraíba.

Alanna de Almeida Cardoso, Universidade Estadual da Paraíba

Graduanda de Farmácia, Universidade Estadual da Paraíba.

Tamires Fablicio de Castro Leão, Universidade Estadual da Paraíba

Graduanda de Fisioterapia, Universidade Estadual da Paraíba.

Clésia Oliveira Pachù, Universidade Estadual da Paraíba

Professora Doutora, Universidade Estadual da Paraíba.

Referências

Organización Mundial de la Salud (OMS). Estrategias de la OMS sobre medicina tradicional 2014-2023. OMS. [Internet]. 2013 [citado em 17 out. 2022]. Disponível em: https://apps.who.int/iris/handle/10665/95008

De Freitas LCS, Sousa PHC de, Coutinho BD. Auriculoterapia no tratamento da obesidade: uma revisão sistemática. Rev. Pesqui. Fisioter. [citado em 17 out. 2022]. 2020;10(3):553-65. Disponível em: https://www5.bahiana.edu.br/index.php/fisioterapia/article/view/2867

Garcia AP, Álvarez JS, Rodríguez GR de la. Efectividad de la auriculoterapia en la hipertensión arterial primaria en adultos según diagnóstico tradicional. Rev. Arch. Méd. Camagüey [citado em 17 out. 2022]. 2017;21(1):787-805. Disponível em: http://revistaamc.sld.cu/index.php/amc/article/view/4682.

Ministério da Saúde [Brasil]. Portaria nº 971, de 03 de maio de 2006. Dispõe sobre a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC) no Sistema Único de Saúde. Brasília: Ministério da Saúde; 2006. [citado em 17 out. 2022]. Disponível em: http://www.crbm1.gov.br/Portaria%20MS%20971%202006.pdf.

Vieira A, Reis AM, Matos LC, Machado J, Moreira A. Does auriculotherapy have therapeutic effectiveness? An overview of systematic reviews. Complement Ther. Clin. Pract. 2018;33:61–70 [citado em 17 out. 2022]. doi:10.1016/j.ctcp.2018.08.005. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/30396628/.

Yao J, Chen L, Zhang L, Zhou S, Zheng Q, Feng X et al. Efeito da auriculoterapia e tipos de intervenção no controle de peso: uma revisão sistemática e protocolo de meta-análise [citado em 17 out. 2022]. Medicina. 2019;98(34). Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/pmc6716699/.

Alba Leonel A, Sánchez Ahedo R, Papaqui Hernández J, Quiroz González S. La auriculoterapia es eficaz como tratamiento complementario para el control de Diabetes Mellitus. In: Anais16º Coloquio Panamericano de Investigación en Enfermería; 5-9 nov. 2018; Havana: Palacio de las Convenciones, 2018. [acesso em: 17 out. 2022]. Disponível em: https://coloquioenfermeria2018.sld.cu/index.php/coloquio/2018/paper/download/393/417

Kwon C-Y, Lee B, Lee JA. Efficacy and safety of bloodletting on ear apex for primary hypertension: a systematic review and meta-analysis. European Journal of Integrative Medicine. 2018 [acesso em 17 out. 2022];23:90-100. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S1876382018303718.

Morais BX, Munhoz OL, Luz EMF da, Sabin LD, Magnago TSB de S. Tendências da produção científica brasileira acerca da auriculoterapia. Research, Society and Development. 2020 [acesso em 17 out. 2022];16;9(7):e350974219. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/341559199_Tendencias_da_producao_cientifica_brasileira_acerca_da_auriculoterapia

Matsue CM. Estudo de caso: Tratamento da diabetes tipo 2 através da auriculoterapia segundo o professor Marcelo Pereira de Souza [trabalho de conclusão de curso]. São Paulo: EBRAMEC; 2013 [citado em 17 out. 2022]. Disponível em: https://www.ebramec.edu.br/wp-content/uploads/2019/02/TRATAMENTO-DA-DIABETES-TIPO-2-ATRAV%C3%89S-DA-AURICULOTERAPIA-SEGUNDO-PROFESSOR-MARCELO-PEREIRA-DE-SOUZA.pdf.

Assis BB, Chaves ECL, Sousa L, Chianca TCM, Borges JBC, Terra AMSV et al. The effects of auricular acupuncture on vascular parameters on the risk factors for diabetic foot: a randomized clinical trial. Complementary Therapies in Clinical Practice [Internet]. 2021 [acesso em 17 out. 2022];44:101442. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/34265578/.

Heliud S, De Souza S, Rocha Da Silva B, Alves G, Prado M, Machado A. Efeito da auriculoterapia em pacientes hipertensos: uma revisão da literatura [Internet]. [acesso em 17 out. 2022]. Disponível em: https://eventos.set.edu.br/sempesq/article/viewFile/13285/4720.

Downloads

Publicado

2022-10-18

Como Citar

VIDAL MAUL, S. E. .; DE ALMEIDA CARDOSO, A. .; FABLICIO DE CASTRO LEÃO, T. .; OLIVEIRA PACHÙ, C. . O uso de auriculoterapia no tratamento de doenças crônicas: uma revisão narrativa. Revista Brasileira de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde, [S. l.], v. 2, n. 3, p. 87–95, 2022. Disponível em: https://www.revistasuninter.com/revistasaude/index.php/revista-praticas-interativas/article/view/1290. Acesso em: 10 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos