O Impacto ambiental de uma edificação

  • Patrícia Moraes Uninter
  • Cinthia Raquel Souza UFPR

Resumo

RESUMO

A implantação de novas edificações gera impactos ambientais, sociais e econômicos no meio no qual são inseridas. Os municípios utilizam-se de leis para regularizar o zoneamento ambiental contidas no Plano Diretor das cidades. Em nível nacional, as Resoluções do Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA), tratam sobre a necessidade de mecanismos de controle por meio de Estudos e Relatórios de Impacto Ambiental de novos empreendimentos para que recebam a devida licença para sua plena execução. Resíduos provenientes da construção civil e sua finalidade também são pautados. Estas leis dispõem de várias diretrizes: desta forma o empreendedor passa a ter direitos e deveres sobre os mesmos. O Poder Público e a sociedade são partes integrantes de fiscalização destas novas construções. Paralelo a isso, sabe-se que a Construção Civil, na sua grande parte, gera materiais não renováveis. Estes resíduos são depositados no meio ambiente sem a devida preocupação, como reaproveitamento ou reciclagem. Novas soluções e técnicas construtivas deverão ser experimentadas para mitigar os impactos ambientais destes materiais e promover benefícios e segurança às futuras gerações. Em meio a estas mudanças, as faculdades de Arquitetura e Urbanismo e Engenharia Civil estão direcionando seus currículos para que este seja o foco dos futuros profissionais: a sustentabilidade.

 

Palavras-chave: Construção civil. Impacto ambiental. Legislação vigente. Sustentabilidade.

 

ABSTRACT

 

The implementation of new buildings generates environmental, social and economic impacts in the middle where they are located. The municipalities are used laws to regulate the management plan contained in the Master Plan of the city. Nationally, the Resolutions of the National Environmental Council (CONAMA) deal about the need for control mechanisms through Studies and Environmental Impact Reports of new projects to receive proper license to its full implementation. Waste from construction and its purpose are also lined. These laws have a number of guidelines: in this way, the entrepreneur is replaced rights and duties on them. The government and society are integral parts of oversight of these new buildings. Parallel to this, it is known that the Construction, for the most part, does not generate renewable materials. These wastes are deposited in the environment without proper concern, such as reuse or recycling. New solutions and construction techniques should be tried to mitigate environmental impacts of these materials and promote benefits and security for future generations. Amid these changes, the Architecture and Urban Planning and Civil Engineering colleges are directing their resumes for this to be the focus of future professionals: sustainability.

Key words: Construction. Environmental impact. Current legislation. Sustainability.

 

 

Biografia do Autor

Patrícia Moraes, Uninter

Graduada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade do Rio dos Sinos, UNISINOS.

Pós Graduada em Perícia e Auditoria Ambiental – Distância (1431), Grupo Uninter, Pólo Novo Hamburgo, RS.

 

Cinthia Raquel Souza, UFPR
Graduada e Mestre em Química pela UFPR (2007).
Publicado
2016-02-02
Seção
Artigos