Alternativa sustentável para coleta e tabulação de dados em avaliação sensorial

Resumo

A utilização de fichas em papel ainda é muito comum na análise sensorial e gera grande quantidade de resíduos. Portanto, com o intuito de preservar o meio ambiente, desenvolveu-se uma ficha sensorial, na plataforma de formulários do Google®, submetida a teste em análise de achocolatados. Um total de 55 consumidores responderam questões sensoriais de aceitabilidade, escala do ideal (JAR) e CATA, bem como a um formulário para aferir a aceitação da ficha eletrônica pelos avaliadores. Armazenaram-se as respostas em planilhas do Excel® para tratamento estatístico. A substituição das fichas de papel por eletrônicas se mostrou eficaz para redução do descarte de papel e possibilitou automatizar o laboratório sem gerar custos, além de reduzir o tempo de tabulação e de análise dos dados.

Palavras-chave: Google Forms®; sustentabilidade; acessibilidade; praticidade.

Abstract

Paper forms usage still very common in sensory analysis and generates a large amount of waste. Therefore, to preserve the environment, a sensory sheet was developed on the Google® Forms platform and tested in chocolate milk analysis. A total of 55 consumers answered sensory questions of acceptability, ideal scale (JAR) and CATA, as well as a form to check electronic form acceptance by the evaluators. The answers were stored in Excel® spreadsheets for statistical treatment. Paper forms replacement by electronic ones proved to be effective in reducing paper waste and enabled the automation of the laboratory without generating costs, in addition to reducing the tabulation and data analysis time.

Keywords: Google Forms®; sustainability; accessibility; practicality.

Resumen

En el análisis sensorial, el uso de tarjetas de papel sigue siendo muy común y genera residuos en gran cantidad. Con el objetivo de preservar el medio ambiente, se desarrolló una tarjeta sensorial, en la plataforma de formularios de Google®, que se testó con el análisis de bebidas chocolatadas. En total, 55 consumidores respondieron las preguntas sensoriales de aceptabilidad, en escala del ideal (JAR) y CATA, así como a un formulario para confirmar la aceptación de la tarjeta electrónica por parte de los evaluadores. Las respuestas se guardaron en hojas de cálculo Excel® y se trataron estadísticamente. La sustitución de las tarjetas de papel por electrónicas demostró ser eficaz para reducir el uso de papel y permitió automatizar el laboratorio sin generar costos, además de reducir el tiempo de tabulación y análisis de datos.

Palabras-clave: formularios de Google®; sustentabilidad; accesibilidad; practicidad.

Biografia do Autor

Lorena Alves de Mattos, UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos.

Deise Rosana Silva Simões, UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA

Professora Doutora, no Departamento de Engenharia de Alimentos.

Renata Dinnies Santos Salem, UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA

Professora Doutora, no Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos e Departamento de Engenharia de Alimentos.

Referências

AMERINE, M. A.; PANGBORN, R. M.; ROESSLER, E. B. Principles of sensory evaluation of food. New York: Academic Press, 1965.

ARES, G. et al. Application of a CheckAll-That-Apply Question to the Development of Chocolate Milk Desserts. Journal of Sensory Studies, [S.l.], v. 25, n. 1, p. 67-86, 2010.

DE OLIVEIRA, L. M. Desperdício de papel em atividades acadêmicas. Revista Ciências do Ambiente On-Line, Campinas, v. 6, n. 2, 2011.

DUTCOSKY, S. D. Análise sensorial de alimentos. 4. ed. Curitiba: PUCPRESS, 2013. p. 41.

FIGUEIREDO, A. V. de S. et al. Softwares livres: vantagens. Maringá Management, Maringá, v. 2, n. 1, p. 26-33, 2006.

NUNES, C. A.; PINHEIRO, A. C. M.; VIETORIS, V. SensoMaker: a tool for sensorial characterization of food products. Ciênc. agrotec., Lavras, v. 37, n. 3, p. 199-201, mai./jun. 2013.

ROSENBERG, N. Factors affecting the diffusion of technology. Explorations in economic history, [S.l.], v. 10, n. 1, p. 3, 1972.

Publicado
2022-09-15
Como Citar
ALVES DE MATTOS, L.; ROSANA SILVA SIMÕES, D.; DINNIES SANTOS SALEM, R. Alternativa sustentável para coleta e tabulação de dados em avaliação sensorial. Revista Meio Ambiente e Sustentabilidade, v. 11, n. 22, p. 32-39, 15 set. 2022.
Seção
Artigo