Acupuntura: a natureza do caminho das águas

Autores

Palavras-chave:

Medicina Tradicional Chinesa (MTC); acupuntura; caminho das águas.

Resumo

Este artigo tem como objetivo discorrer sobre a acupuntura na promoção harmoniosa das energias no corpo humano e a sua relação com um elemento da natureza, a água. A metodologia adotada para o desenvolvimento do estudo foi a revisão bibliográfica narrativa. Práticas oriundas de diferentes medicinas são estudadas e aplicadas para a manutenção do bem-estar ou ainda para diagnosticar, tratar e prevenir doenças. Entre essas práticas institucionalizadas no Sistema Único de Saúde (SUS) está a acupuntura, inerente à Medicina Tradicional Chinesa (MTC). Após o estudo, considerou-se que a observação e articulação de fenômenos para a prática da acupuntura vai além de um corpo humano meramente psicofísico ou de um único elemento ou referência. Embora tenhamos discorrido com maior profundidade sobre aspectos do elemento água, não se pode fragmentar as suas interlocuções pois tudo na natureza — do cosmos aos corpos — está interligado. Envolve reconhecer na natureza o sujeito humano e, nele, toda a extensão e harmonia da natureza.

Palavras-chave: Medicina Tradicional Chinesa (MTC); acupuntura; caminho das águas.

Abstract

This article aims to discuss acupuncture in the harmonious promotion of energies in the human body and its relationship with an element of nature: water. The methodology adopted for the development of the study was the narrative literature review. Practices from different medicines are studied and applied to maintain well-being or to treat, diagnose and prevent diseases. Among these practices institutionalized in the Unified Health System (Sistema Único de Saúde - SUS) is the practice of acupuncture, one of the practices inherent to Traditional Chinese Medicine (TCM). After the study, it was considered that the observation and articulation of phenomena for the practice of acupuncture is beyond a merely psychophysical human body or a single element or reference. Although we have discussed in greater depth aspects of the water element, its interlocution cannot be fragmented because everything in nature — from the cosmos to bodies — is interconnected. It involves recognizing the human subject in nature and in the human subject in all the extension and harmony of nature.

Keywords: Traditional Chinese Medicine (TCM); acupuncture; water path.

Resumen

Este artículo tiene como objetivo estudiar la acupuntura en la producción armónica de las energías en el cuerpo humano y su relación con un elemento de la naturaleza, el agua. La metodología adoptada para el desarrollo del estudio fue la revisión bibliográfica narrativa. Prácticas originarias de diferentes medicinas son estudiadas y aplicadas para mantener el bienestar o aun para diagnosticar, tratar y prevenir enfermedades. Entre esas prácticas institucionalizadas en el Sistema Único de Salud (SUS) está la acupuntura, inherente a la Medicina Tradicional China (MTC). Luego del estudio, se considera que la observación y articulación de fenómenos para la práctica de la acupuntura va más allá de un cuerpo humano meramente psicofísico o de un único elemento o referencia. Aunque hayamos discurrido con más profundidad sobre aspectos del elemento agua, no se puede fragmentar sus interlocuciones, pues todo en la naturaleza — desde el cosmos hasta los cuerpos — está interconectado. Ello implica reconocer al sujeto humano en la naturaleza y, en é, toda la extensión y armonía de la naturaleza.

Palabras-clave: Medicina Tradicional China (MTC); acupuntura; ruta del agua.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Heloisa de Mello, UNEMAT

raduada em Licenciatura Plena em Educação Física (UNIVILLE). É mestra em Educação (FURB). Especialista em Acupuntura (ABA). Tem experiência na gestão de implementação de políticas públicas vinculadas a programas federais para o desenvolvimento da educação básica e estratégias em saúde. Atualmente, professora da Faculdade de Ciências da Saúde no curso de Educação Física da Universidade do Estado de Mato Grosso (FACIS/UNEMAT). É pesquisadora na área de Medicinas Complementares e Alternativas na Comunidade de Estudos e Práticas Integradas em Educação e Saúde (EDUSAÚDE/UNEMAT), participante do Núcleo de Formação, Pesquisa e Extensão em Agroecologia (NATER/UNEMAT) e doutoranda no Programa de Pós Graduação em Saúde Coletiva (UFMT).

Referências

- Brasil. Ministério da Saúde. Portaria nº 971, de 3 de maio de 2006. Aprova a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC) no Sistema Único de Saúde. Brasília: MS; 2006 [acesso em: 1 maio 2022]. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2006/prt0971_03_05_2006.html

-Cook DJ, Mulrow CD, Haynes RB. Systematic reviews: synthesis of best evidence for clinical decisions. Ann Intern Med. 1997 [acesso em 10 maio 2022];126(5):376-380. Disponível em: https://www.acpjournals.org/doi/10.7326/0003-4819-126-5-199703010-00006

-Dulcetti Júnior O. Pequeno tratado de acupuntura tradicional chinesa. São Paulo: Andrei; 2019.

-Rochat de la Vallée E, Larre C. Os movimentos do coração: psicologia dos chineses. Tradução de Nicoe Mir. São Paulo: Cultrix; 2007.

-Silva DF. Vasos maravilhosos: a essência dos oito vasos. 1. ed. São Paulo: Editora Inserir; 2022.

-LUZ D. Medicina tradicional chinesa, racionalidade médica. In: Luz MT; Barros NF (org.). Racionalidades e práticas integrativas em saúde. Rio de Janeiro: UERJ/IMS/LAPPIS; 2012.

-Cordeiro AT, Cordeiro RC. Acupuntura: elementos básicos. 6. ed. São Paulo: Polo Printer; 2018.

-Auteroche B, Navailh P. O diagnóstico na medicina chinesa. 2. ed. São Paulo: Andrei; 1992.

-NEVES ML. Diagnóstico em acupuntura, avaliação e tratamento. 2. ed. Florianópolis: Editora Merithus; 2011.

-Wang, B. Princípios de medicina interna do Imperador Amarelo. Tradução de Souza Cruz JRA. São Paulo: Ícone; 2013.

-Wen TS. Acupuntura clássica chinesa. São Paulo: Editora Cultrix; 1985.

-Palmeira GA. Acupuntura no Ocidente. Cad Saude Publica. 1990 [acesso em 31 maio 2022];6(2):117-128. Disponível em: https://www.scielo.br/j/csp/a/DWRLyNHKKhWLcHHMxv3gSGy/?format=pdf&lang=pt

-Breves R. Conceitos da terapia do bem. 2. ed. São Paulo: Ed. Holista; 2019.

-Hirsch S. Manual do herói. 3. ed. Rio de Janeiro: CorreCotia; 2009.

Downloads

Publicado

2022-10-18

Como Citar

DE MELLO, F. H. Acupuntura: a natureza do caminho das águas. Revista Brasileira de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde, [S. l.], v. 2, n. 3, p. 3–20, 2022. Disponível em: https://www.revistasuninter.com/revistasaude/index.php/revista-praticas-interativas/article/view/1299. Acesso em: 10 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos