Gestão do conhecimento nas organizações na era tecnológica

Autores

  • Graycilaine Elvira Zorzim de Souza Ferrarese CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL - UNINTER

Resumo

O presente artigo aborda conceitos e temas da gestão do conhecimento, da aprendizagem nas organizações e suas ferramentas. Apresenta de forma detalhada como ocorrem as inovações e como as organizações enfrentam a era do conhecimento. Apenas uma pequena parte do conhecimento organizacional é explícito, a maior parte é o saber tácito de cada trabalhador; daí a importância da gestão do conhecimento para que as informações, a aprendizagem e o conhecimento sejam uniformes. A tecnologia disruptiva, com quebra de paradigmas e evolução constante, ocasionou mudanças nas organizações e uma nova maneira de pensar, liderar, aprender, ensinar e gerar conhecimento. A capacitação e a facilidade em reaprender processos na gestão do conhecimento, tornar-se-á vantagem competitiva e gerará riquezas. As organizações têm voltado seus esforços e preocupações para o trato e valorização dos colaboradores que as mantêm operantes, lucrativas e cumprindo a função social a que se destinam.

Palavras-chave: gestão; conhecimento; competências; disrupção; tecnologia.

Abstract

This paper discusses concepts and issues of knowledge management and learning in organizations and its tools. It presents in detail how innovations occur and how organizations face the knowledge age. Only a small part of the organizational knowledge is explicit, most of it is the tacit knowledge of each worker, hence the importance of knowledge management so that information, learning, and knowledge are uniform. Disruptive technology, with paradigms breaking and constant evolution, has caused changes in the organizations towards a new way of thinking, leading, learning, teaching, and generating knowledge. The ability and facility to relearn processes in knowledge management will become a competitive advantage and generate wealth. Organizations have turned their efforts and concerns to the treatment and appreciation of the collaborators that keep them operating, profitable, and fulfilling their intended social function.

Keywords: management; knowledge; competencies; disruption; technology.

Resumen 

Este artículo aborda conceptos y temas de la gestión del conocimiento, del aprendizaje en las organizaciones y sus herramientas. Presenta en detalle cómo ocurren las innovaciones y cómo las organizaciones enfrentan la era del conocimiento. Sólo una pequeña parte del conocimiento organizacional es explícito, la mayor parte es el saber tácito de cada trabajador; de ahí la importancia de la gestión del conocimiento para que la información, el aprendizaje y el conocimiento sean homogéneos. La tecnología disruptiva, con cambios de paradigma y evolución constante, ha provocado cambios en las organizaciones y una nueva forma de pensar, liderar, aprender, enseñar y generar conocimiento. La formación y la facilidad en los procesos de reaprendizaje en la gestión del conocimiento se convertirán en una ventaja competitiva y generarán riqueza. Las organizaciones han centrado sus esfuerzos e inquietudes en tratar y valorar a los empleados que las mantengan operativas, rentables y cumpliendo la función social para la que están destinadas. 

Palabras-clave: gestión; conocimiento; competencias; ruptura; tecnología.

Biografia do Autor

Graycilaine Elvira Zorzim de Souza Ferrarese, CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL - UNINTER

Graduada do Curso de Administração.

Referências

ALENCAR, Cléa Machado de; FONSECA, João José Saraiva da. Gestão do conhecimento. 1. ed. Sobral - CE: EGUS, 2015. Disponível em: https://md.uninta.edu.br/geral/gestao-do-conhecimento/pdf/gestao-do-conhecimento.pdf. Acesso em: 10 out. 2022.

BOCK, Laszlo. Um novo jeito de trabalhar para ser uma das empresas mais criativas e bem sucedidas do mundo. Rio de Janeiro: Sextante, 2015.

MACEDO, Valéria; FUKUNAGA, Fernando; BASTOS, Neusa et al. Uma análise conceitual da tipologia do trabalhador do conhecimento. International Journal of Knowledge Engineering and Management (IJKEM), Florianópolis, v. 4, n. 9, jun. 2015.

GIL, A.C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

GUILE, David. O que distingue a economia do conhecimento? Implicações para a educação. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 38, n. 135, dez. 2008. Disponível em: https://www.scielo.br/j/cp/a/v3wpQZg4SqVy5RKn7DjgKGj/?lang=pt. Acesso em: 10 out. 2022.

SANTOS, Luiz Fernando Barcellos dos. Evolução do pensamento administrativo. Curitiba: Intersaberes, 2013.

TAKAHASHI, Adriana R. W. Competências, aprendizagem organizacional e gestão do conhecimento. Curitiba: Intersaberes, 2015.

Downloads

Publicado

2023-06-28

Como Citar

ZORZIM DE SOUZA FERRARESE, G. E. Gestão do conhecimento nas organizações na era tecnológica. Revista Organização Sistêmica, [S. l.], v. 11, n. 20, p. 110–120, 2023. Disponível em: https://www.revistasuninter.com/revistaorganizacaosistemica/index.php/organizacaoSistemica/article/view/511. Acesso em: 1 out. 2023.

Edição

Seção

Artigos