Associação entre o valor adicionado e indicadores de desempenho de companhias listadas na bolsa de valores (B3)

Autores

  • Allan Marcelo de Oliveira UNINTER
  • Adriano Tostes da Silva

Resumo

Resumo

Torna-se cada vez mais frequente que as empresas apresentem informações mais abrangentes de suas operações e os impactos que suas atividades causam em um determinado ambiente social. Assim, este artigo tem o objetivo de averiguar se há uma associação entre indicadores de desempenho com a distribuição das riquezas evidenciadas na DVA (Demonstração do Valor Adicionado) de empresas, listadas na B3 (bolsa de valores). Este trabalho é caracterizado como descritivo e ex-post-facto, quantitativo e bibliográfico. A amostra é composta 110 empresas e o período analisado é de 2011 a 2016. Através do teste correlação de Spearman é possível afirmar que o ROA (quociente do lucro operacional com ativo total) se correlaciona de maneira significativa com a DVA1 (remuneração de pessoal) e DVA2 (distribuição ao Governo); já a associação do ROA com a DVA3 (distribuição a terceiros) e a DVA4 (distribuição a investidores) não apresentaram significância. Por outro lado, os dados não foram significantes na correlação entre o ROE (quociente do lucro líquido com patrimônio líquido) e a DVA1, mas correlação significativa entre o ROE e a DVA2, DVA3 e a DVA4. Os resultados e conclusões obtidos neste estudo se limitam ao conjunto de empresas analisadas e devem ser interpretados como um fator importante, pois cada informação evidenciada pode ser interpretada de diversas formas.

Palavras-chave: Demonstração do Valor Adicionado. ROA. ROE. Associação.

Abstract

It is increasingly common for companies to present more comprehensive information about their operations and the impacts that their activities cause in each social environment. Thus, this article aims to ascertain whether there is an association between performance indicators and the distribution of wealth evidenced in the DVAs (Value Added Statement) of companies listed on B3(stock market). This work is characterized as descriptive and ex-post-facto, quantitative and bibliographic. The sample consists of 110 companies and the period analyzed is from 2011 to 2016. Through Spearman's rank correlation, it is possible to state that the ROA (quotient of operating profit with total assets) correlates significantly with DVA1 (personnel remuneration) and DVA2 (distribution to the Government); the association of ROA with DVA3 (distribution to third parties) and DVA4 (distribution to investors) were not significant. On the other hand, the data were not significant in the correlation between ROE (quotient of net profit with equity) and DVA1, but significant correlation between ROE and DVA2, DVA3 and DVA4. The results and conclusions obtained in this study are limited to the group of companies analyzed and must be interpreted as an important factor since each information disclosed can be interpreted in different ways.

Keywords: Value Added Statement. ROA. ROE. Association.

Resumen

Es cada vez más frecuente el hecho de que las empresas presenten informaciones más acuciosas de sus operaciones y de los impactos que sus actividades causan en un ambiente social determinado. Por ello, este artículo tiene el objetivo de verificar si hay una asociación entre indicadores de desempeño y la distribución de riquezas explicitadas en la DVA (Demostración de Valor Agregado) de empresas listadas en la B3 (Bolsa de Valores). Este trabajo se caracteriza como descriptivo y ex post facto, cuantitativo y bibliográfico. La muestra es de 110 empresas y el período analizado va de 2011 a 2016. Por medio de la prueba de correlación de Spearman, es posible afirmar que el ROA (cociente de rentabilidad operacional sobre activo total) se relaciona de manera significativa con la DVA1 (remuneración personal) y DVA2 (distribución al Gobierno); a su vez, la asociación del ROA con la DVA3 (distribución a terceros) y el DVA4 (distribución a inversores) no presentan significancia. Por otro lado, los datos no fueron significativos en la correlación entre el ROE (cociente de la ganancia líquida por el patrimonio líquido) y la DVA1, pero la correlación es significativa entre el ROE y la DVA2, DVA3 y DVA4. Los resultados y conclusiones obtenidos en este estudio se limitan al conjunto de empresas analizadas y deben ser interpretados como un factor importante, pues cada información puesta en evidencia puede ser interpretada de diversas formas.

Palabras-clave: Demostración del valor agregado. ROA. ROE. Asociación.

Downloads

Publicado

2020-08-27

Como Citar

OLIVEIRA, A. M. de; SILVA, A. T. da. Associação entre o valor adicionado e indicadores de desempenho de companhias listadas na bolsa de valores (B3). Revista Organização Sistêmica, [S. l.], v. 6, n. 10, 2020. Disponível em: https://www.revistasuninter.com/revistaorganizacaosistemica/index.php/organizacaoSistemica/article/view/470. Acesso em: 20 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos