O Lugar das rádios Comunitárias em Moçambique como possibilitadoras de acesso a cidadania

Autores

  • Aida Aurora Madope Mangue Universidade Eduardo Mondlane

Resumo

No momento em que as novas tecnologias da informação e da comunicação (TICs) contam com visibilidade e recebem investimentos, cabe reflectir sobre o lugar das rádios comunitárias (RCs) como possibilidade de acesso à cidadania em países fragilizados economicamente como Moçambique. Nesse texto são apresentados dados e prospectivas para definir formatos de programas e actividades que podem alavancar a organização de populações que só dispõem das emissoras de rádio comunitárias para ter maior visibilidade social. No que se refere à cidadania, propõem-se que as RCs sejam consideradas como recursos de organização social, enquanto estruturas que historicamente têm ampliado a participação cidadã, especialmente na região da África Austral, onde está Moçambique. A partir dos dados do último censo e de informações disponibilizadas pelo Centro de Apoio à Informação e Comunicação Comunitária (CAICC), apresenta-se uma visão geral do sector e propostas para aprimorar os trabalhos de inserção cidadã nas comunidades atendidas por rádios comunitárias. As propostas estão sintonizadas com experiências de Educomunicação, fundamentadas em estudos de Citelli e Costa, Soares, Freire e Kaplún.

Palavras-chave: rádios comunitárias; cidadania; educomunicação; sociedade

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aida Aurora Madope Mangue, Universidade Eduardo Mondlane

Mestranda em Cooperação e Desenvolvimento na Faculdade de Direito da Universidade Eduardo Mondlane (UEM), professora da Escola de Comunicação e Artes da Universidade Eduardo Mondlane (UEM); Licenciada em Comunicação Social, habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Downloads

Publicado

2023-11-03

Como Citar

MANGUE, A. A. M. O Lugar das rádios Comunitárias em Moçambique como possibilitadoras de acesso a cidadania. Revista UNINTER de Comunicação, [S. l.], v. 11, n. 18, p. 30–45, 2023. Disponível em: https://www.revistasuninter.com/revistacomunicacao/index.php/revista/article/view/902. Acesso em: 24 jun. 2024.