Mirar o presente olhando o passado: o risco do foco presentista nos estudos de Comunicação permeados pelas mídias

Autores

  • Ana Paula Heck Centro Universitário Internacional Uninter e Universidade Tuiuti do Paraná
  • Márcio Morrison Kaviski Marcellino Universidade Tuiuti do Paraná
  • Lidia Paula Trentin Universidade Tuiuti do Paraná
  • Mônica Cristine Fort Centro Universitário Internacional Uninter e Universidade Tuiuti do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.21882/ruc.v7i12.789

Resumo

Debruçada sobre os estudos da relação entre História e Comunicação, a professora titular da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Marialva Carlos Barbosa é referência certeira para quem busca compreender a relevância das processualidades históricas nos estudos de Comunicação. A pesquisadora traçou carreira da Universidade Federal Fluminense (UFF), onde obteve sua graduação em Jornalismo, fez mestrado e doutorado em História, e se aposentou como professora titular. Autora de grandes obras como “História da Comunicação no Brasil” (Vozes, 2013) e “Tempo, tempo histórico e tempo midiático” (Edufab, 2017), a professora concedeu uma entrevista que versa sobre a relevância da adoção de uma perspectiva histórica sobre os estudos de Comunicação. Fala sobre o aprofundamento histórico das pesquisas para combater o risco de estabelecer um foco presentista sob práticas, processos e conversações contemporâneas permeadas pela mídia.

DOI: 10.21882/ruc.v7i12.789

Recebido em: 20/05/2019

Aceito em: 23/05/2019

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Paula Heck, Centro Universitário Internacional Uninter e Universidade Tuiuti do Paraná

Professora de Publicidade e Propaganda do Centro Universitário Internacional (Uninter). Doutoranda em Comunicação e Linguagens pela Universidade Tuiuti do Paraná (PPGCom/UTP). Mestre em Comunicação (UFPR).

Márcio Morrison Kaviski Marcellino, Universidade Tuiuti do Paraná

Mestre em Comunicação e Linguagens pela Universidade Tuiuti do Paraná (PPGCom/UTP). Jornalista (PUCPR)

Lidia Paula Trentin, Universidade Tuiuti do Paraná

Doutoranda e Mestre em Comunicação e Linguagens pela Universidade Tuiuti do Paraná (PPGCom/UTP). Jornalista (UFSM).

Mônica Cristine Fort, Centro Universitário Internacional Uninter e Universidade Tuiuti do Paraná

Professora e Pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Linguagens da Universidade Tuiuti do Paraná (PPGCom/UTP). Professora de Jornalismo no Centro Universitário Internacional (Uninter). Pós-doutora em Comunicação (UERJ). Doutora em Engenharia da Produção (UFSC). Jornalista (UFPR).

Downloads

Publicado

2019-06-29

Como Citar

HECK, A. P.; KAVISKI MARCELLINO, M. M.; TRENTIN, L. P.; FORT, M. C. Mirar o presente olhando o passado: o risco do foco presentista nos estudos de Comunicação permeados pelas mídias. Revista UNINTER de Comunicação, [S. l.], v. 7, n. 12, p. 129–131, 2019. DOI: 10.21882/ruc.v7i12.789. Disponível em: https://www.revistasuninter.com/revistacomunicacao/index.php/revista/article/view/789. Acesso em: 13 abr. 2024.

Edição

Seção

Entrevista