O potencial de experiência aurática em fotografias em preto e branco

  • Marcia Boroski Universidade Tuiuti do Paraná/Cento Universitário Internacional Uninter

Resumo

Este artigo tem como objetivo discutir a partir de quais formas a fotografia em preto e branco (p&b) tem o potencial de proporcionar experiência aurática e, para tanto, fazemos uma discussão teórica sobre os conceitos de fotografia em p&b (FLUSSER, 2018; AUGUSTO; TOUTAIN, 2016; HEDGECOE, 2013), experiência estética (CAETANO, 2013; SANTOS, 2010), efeitos de sentido e de presença (GUMBRECHT, 2010) e experiência aurática (BENJAMIN, 1994, 2014; DIDI-HUBERMAN, 2010), além de propor uma aplicação do debate teórico em fotografias em p&b finalistas do prêmio World Press Photo, as quais consideramos representativas do potencial de experiência aurática. Como resultados, percebemos que a vocação do p&b para expressão do volume e o aprofundamento do espaço contribuem para o seu potencial de experiência aurática.

DOI: 10.21882/ruc.v8i15.845

Recebido em: 15/10/2020

Aceito em: 23/11/2020

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcia Boroski, Universidade Tuiuti do Paraná/Cento Universitário Internacional Uninter

Docente nos cursos de graduação do UNINTER. Doutoranda em Comunicação e Linguagens na Universidade Tuiuti do Paraná (CAPES/PROSUP). Mestre em Comunicação pelo Universidade Estadual de Londrina.

Referências

AUGUSTO, Gilucci; TOUTAIN, Lídia Brandão. A semiótica da imagem fotográfi-ca digital em preto e branco. Ponto de Acesso, Salvador, v. 10, n. 3, p. 136-146, 2016.

BARTHES, Rolland. A câmara clara: No-ta sobre a fotografia. Rio de Janeiro: Edi-ções 70, 2017.

BENJAMIN, Walter. Pequena história da fotografia. In: BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. 7. ed. São Paulo: Brasiliense, 1994. p. 91-107. (Obras Escolhidas, v.1).

BENJAMIN, Walter. A obra de arte na época de sua reprodutibilidade técnica. Porto Alegre: Zouk Editora, 2014.

BOROSKI, Marcia. Fotojornalismo: téc-nicas e linguagens. Curitiba: Intersaberes, 2020.

CAETANO, Kati. Bavcar: impressões fo-tográficas. Galáxia, São Paulo, n. 9, 2005.

CAETANO, Kati. Vocações da fotografia de imprensa: história, técnica e efeitos de sentido. In: BOLAÑO, César; GOLIN, Cida; BRITTOS, Valérios (org.). Econo-mia da arte e da cultura. São Paulo: Itaú Cultural; São Leopoldo: Cepos/Unisinos; Porto Alegre: PPGCOM/UFRGS; São Cris-tóvão: Obscom/UFS, 2010.

CAETANO, Kati. Estética da comunica-ção, estética das mídias, modos de fazer sentido no mundo. In: OLIVEIRA, Ana Claudia de. As interações sensíveis - en-saios de sociossemiótica a partir da obra de Eric Landowski. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2013.

DIDI-HUBERMAN. A dupla distância. In: DIDI-HUBERMAN. O que vemos, o que nos olha. São Paulo: Editora 34, 2010.

DUARTE, Eduardo. Por uma epistemolo-gia da comunicação. In: LOPES, Maria Immacolata (org.). Epistemologia da co-municação. São Paulo: Loyola, 2003.

GUMBRECHT, Hans Ulrich. Nosso am-plo presente: o tempo e a cultura contem-porânea. São Paulo: UNESP, 2015.

GUMBRECHT, Hans Ulrich . Produção de presença: o que o sentido não pode transmitir. Rio de Janeiro: Contraponto/ PUC-RIO, 2010.

FLOCH, Jean-Marie. Alguns conceitos fun-damentais em semiótica geral. In: Docu-mentos de Estudos do Centro de Pes-quisas Sociossemióticas – 1. São Paulo: Centro de Pesquisas Sociossemióticas, 2001.

HEDGECOE, J. O novo manual de foto-grafia. 4. ed. São Paulo: Senac, 2013.

SANTOS, Leonel Ribeiro dos. A concepção kantiana da experiência estética: novidades, tensões e equilíbrio. In: Trans/form/ação, Marília, v. 33, n.2, p.35-76, 2010.

SILVEIRA, Luciana Martha. A cor na foto-grafia em preto-e-branco como uma flagran-te manifestação cultural. Revista Tecnolo-gia e Sociedade, v.1, n. 1, Curitiba, 2005.

SILVEIRA, Luciana Martha. Introdução à teoria da cor. 2. ed. Curitiba: UTFPR, 2015.

Publicado
2020-12-23
Seção
Artigos