A intervenção do assistente social no processo de adoção da criança negra

  • Cristina Gomes Baltazar
  • Simone de Oliveira Campana

Resumo

RESUMO

Por meio de uma pesquisa qualitativa, este trabalho tem como objetivo discutir a intervenção do profissional de Serviço Social na adoção da criança negra. Pretende analisar os aspectos do processo de adoção com apoio nos dados do Cadastro Nacional de Adoção, da Vara da Infância e Juventude e instituições de acolhimento, assim como em consultas a profissionais e famílias adotivas. Na revisão bibliográfica, se estudou a produção sócio-histórica do racismo e se indagou se o seu processo histórico está na origem e nos motivos do abandono da criança negra brasileira. Os principais resultados obtidos permitiram uma criteriosa reflexão sobre a relevância do trabalho exercido pelo assistente social em consonância com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) na questão da adoção. Sua atuação é fundamental no trabalho técnico de orientação, de esclarecimento e de promoção do processo de construção e sedimentação de novos valores e concepções sobre a adoção de crianças negras.

Palavras-chave: Serviço social. Adoção. Criança negra.

ABSTRACT

Through qualitative research, this paper aims to discuss the intervention of the Social Work professional in the adoption of black children. It intends to analyze the aspects of the adoption process based on data from the National Adoption Registry, the Child and Youth Court and host institutions, as well as consultations with professionals and adoptive families. In the literature review, the socio-historical production of racism was studied and whether its historical process originates and explains the abandonment of Brazilian black children. The main results obtained allowed a careful reflection on the relevance of the work performed by the social workers, in accordance with the Child and Adolescent Statute (ECA) on the issue of adoption. Their performance is fundamental in the technical work of orientation, clarification and promotion of the process of construction and sedimentation of new values and conceptions about the adoption of black children.

Keywords: Social work. Adoption. Black children.

RESUMEN

A través de una investigación cualitativa, este trabajo tiene como objetivo discutir la intervención del trabajador social en la adopción de niños negros. Se trata de analizar aspectos del proceso de adopción sobre la base de los datos del Registro Nacional de Adopción de los organismos competentes, los suministrados por las instituciones de acogida, así como los obtenidos de consultas a profesionales y familias adoptivas. La revisión bibliográfica consideró la producción socio histórica del racismo e indagó si ese proceso histórico está en el origen y en las razones del abandono del niño negro brasileño. Los principales resultados permitieron una criteriosa reflexión sobre la relevancia del trabajo realizado por el trabajador social en consonancia con el Estatuto del Niño y del Adolecente en la cuestión de la adopción. Su actuación es fundamental en el trabajo técnico de orientación, aclaratoria y promoción del proceso de construcción y sedimentación de nuevos valores y concepciones sobre el tema de la adopción de niños negros.

Palabras-clave: Trabajo social. Adopción. Niños negros.

Biografia do Autor

Cristina Gomes Baltazar
Doutoranda em Serviço Social pela PUC-SP, Mestra em Gestão e Políticas Públicas pela Fundação Getúlio Vargas (2013), especialista em Projetos Sociais pelo SENAC/SP (2009), graduada em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP (2007), Assistente social na Secretaria Municipal de habitação de São Paulo, Coordenadora do grupo de pesquisa de Iniciação Científica - e docente na Universidade Nove de Julho
Simone de Oliveira Campana
Assistente Social, Graduada em Serviço Social na Universidade Nove de Julho (2018). O artigo é fruto do trabalho de conclusão de curso
Publicado
2019-10-10
Seção
Artigos