Tecnologias e práticas de ensino:

reflexões sobre técnica, tecnologia e tecnociência

Autores

Resumo

Este artigo aborda os conceitos de tecnologia, tecnociência e técnica, destacando suas diferenças e singularidades. Objetiva analisar a contemporaneidade dos conceitos, considerando o desenvolvimento e o uso da técnica na sociedade ao longo do tempo, bem como a sua aplicabilidade na educação. Propõe-se refletir sobre como este tema evoluiu com o passar dos anos e seu papel no desenvolvimento das relações humanas e nas práticas pedagógicas, nas mais distintas áreas. Assumimos a pesquisa qualitativa com abordagem bibliográfica, feita em materiais bibliográficos e documentais, incluindo livros, artigos, teses e dissertações sobre o tema. No primeiro tópico, abordamos o conceito de técnica, partindo de uma análise etimológica. No segundo, apresentamos a origem e o conceito de tecnologia, progredindo, no terceiro, para o conceito de tecnociência. No último tópico, destacamos as práticas de ensino e, nelas, o envolvimento das tecnologias. Nosso referencial teórico contou com as reflexões de autores como M. Bunge, Milton Santos (técnica); K. Mitcham (tecnociência); Pierre Lévy e Manuel Castells (tecnologias); Paulo Freire (práticas de ensino) e outros. Concluímos que os conceitos de tecnologia, tecnociência e técnica trazem um olhar inicial sobre as suas possibilidades e aplicabilidade nas práticas de ensino atualmente utilizadas.

Palavras-chave: tecnologia; tecnociência; técnica; educação; práticas de ensino.

Abstract

This article approaches technology, technoscience and technique concepts, highlighting their differences and singularities.  It aims to analyze the contemporaneity of the concepts, considering technique’s development and use in society over time, as well as its educational applicability. We propose to reflect on how this theme has evolved over the years, implying human relationships and pedagogical practices developments in different areas. We take on qualitative research with a bibliographic approach including books, articles, and theses on the subject. In the first topic, we approach the concept of technique, starting from an etymological analysis. In the second topic, we present technology’s origin and concept, progressing, in the third topic, to the concept of technoscience. The last topic highlights teaching practices and the involvement of technologies in them. Our theoretical framework included the reflections of authors such as: M. Bunge, Milton Santos (technical); K. Mitcham (technoscience); Pierre Lévy and Manuel Castells (technologies); Paulo Freire (teaching practices); and others. We conclude that technology, technoscience and technique concepts brings an initial look at the possibilities and applicability in the teaching practices currently used.

Keywords: technology; technoscience; technique; education; teaching practices.

Resumen

Este artículo aborda los conceptos de tecnología, tecnociencia y técnica, destacando sus diferencias y singularidades. Pretende analizar la contemporaneidad de los conceptos, considerando el desarrollo y uso de la técnica en la sociedad a lo largo del tiempo, así como su aplicabilidad en la educación. Se propone reflexionar sobre como este tema ha evolucionado a lo largo de los años y su rol en el desarrollo de las relaciones humanas y prácticas pedagógicas, en los más diversos ámbitos. Se realizó una investigación cualitativa con enfoque bibliográfico en instrumentos bibliográficos y documentales, como libros, artículos, tesis de maestría y doctorado sobre el tema. En el primer tópico, abordamos el concepto de técnica, a partir de un análisis etimológico. En el segundo, presentamos el origen y el concepto de tecnología y, en el tercero, el concepto de tecnociencia. En el último tópico, destacamos las prácticas docentes y, en ellas, el uso de las tecnologías. Nuestro marco teórico incluyó las reflexiones de autores como M. Bunge, Milton Santos (técnica); K. Mitcham (tecnociencia); Pierre Lévy y Manuel Castells (tecnologías); Paulo Freire (prácticas de enseñanza) y otros. Concluimos que los conceptos de tecnología, tecnociencia y técnica ofrecen una primera perspectiva sobre sus posibilidades y aplicabilidad en las prácticas docentes actualmente utilizadas.

Palabras-clave: tecnología; tecnociencia; técnica; educación; prácticas de enseñanza.

Biografia do Autor

Ana Cláudia de Lima Linhares, UFSC

Mestranda da Pós-graduação em Educação da FURB. Possui graduação em Administração; Licenciatura em Pedagogia e Licenciatura em Pedagogia com ênfase em Educação Especial e Inclusiva; Pós-Graduação em Educação Especial e Inclusiva; Pós-Graduação em Gestão e Orientação Escolar. Atualmente é Pedagoga na Universidade Federal de Santa Catarina.

Eric Araújo Dias Coimbra, UFSC

Graduado em Relações Internacionais (Univali) e Geografia (UFSC); especialista em Políticas Públicas (UDESC), mestre em Geografia (UFSC) e doutor em Sociologia Política (UFSC). Possui experiência nas áreas de Sociologia Política e Relações Internacionais. Participou do Núcleo de Pesquisa de Movimentos Sociais da UFSC. Trabalhou como docente em diversas escolas do Ensino Fundamental, Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA). Lecionou para cursos técnicos e de pós-graduação no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC); e para o ensino superior na Anhanguera Educacional e na Universidade do Estado do Rio Grande do Sul (UERGS).

Referências

ACEVEDO, G. D. R. Ciencia, tecnología y sociedad: una mirada desde la Educación en Tecnología. Revista Iberoamericana de Educación, Madrid, n. 18, p. 107-143, set. 1998. Biblioteca Digital da OEI (Organização de Estados Iberoamericanos para a Educação, a Ciência e a Cultura).

BUNGE, M. Philosophy of science and technology: parte II: life science, social science and technology. Dordrecht: Reidel, 1985. (Treatise on basic philosophy, tomo 7).

CASTELLS, Manuel. A sociedade em rede. 6. ed. São Paulo: Paz & Terra, 1999. v. 1.

CORRÊIA, Maíra Baumgarten. Tecnologia. In: CATTANI, Antonio D. (org.). Trabalho e tecnologia: dicionário crítico. Petrópolis, RJ: Vozes: Editora da Universidade/UFRS, 1999.

ECHEVERRÍA, Javier. Da filosofia da ciência para a filosofia das tecnociências e inovações. Revista CTS, Buenos Aires, n. 28, v. 10, p. 109-119, jan. 2015.

FEENBERG, Andrew. O que é a Filosofia da Tecnologia? Conferência realizada para estudantes universitários em Komoba, 2003. Trad. Agustín Apaza. Revisão de Newton Ramos-de-Oliveira. Revisão Substancial de Franco Nero Antunes Soares para fins didáticos, 2015. Disponível em: https://www.sfu.ca/~andrewf/Feenberg_OQueEFilosofiaDaTecnologia.pdf. Acesso em: 15 nov. 2021.

FREIRE, P. Educação e mudança. 36. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2013.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979.

GAMA, Ruy (org.). História da técnica e da tecnologia. São Paulo: EDUSP, 1985.

GAMBOA, Silvio S. Projetos de pesquisa, fundamentos lógicos: a dialética entre perguntas e respostas. Chapecó: Argos, 2013.

LAKATOS, E. Maria; MARCONI, M. de Andrade. Fundamentos de metodologia científica: técnicas de pesquisa. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

LÉVY, Pierre. O que é o virtual. São Paulo: Ed. 34, 1996.

KUSSLER, Leonardo Marques, Revista Kínesis, Marília, v. 7, n. 15, dez. 2015.

MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Metodologia do trabalho científico. São Paulo: Editora Atlas, 1992.

MITCHAM, C. Thinking through technology: the path between engineering and philosophy. Chicago: The University of Chicago Press, 1994.

MORAN, J. M. Os novos espaços de atuação do professor com as tecnologias. Revista Diálogo Educacional, Pontifícia Universidade Católica do Paraná, v. 4, n. 12, maio/ago. 2004.

MORAIS, João Francisco Regis de. Filosofia da ciência e da tecnologia: introdução metodológica e crítica. 5. ed. Campinas: Papirus, 1988.

MOREIRA, H.; CALEFFE, L. G. Metodologia da pesquisa para o professor pesquisador. 2. ed. Rio de Janeiro: Lamparina, 2008.

MORELL, Jean Carlos. Mídias eletrônicas na educação: uma abordagem a partir da filosofia da tecnologia. 2014. 117 f. Dissertação (Mestrado em Educação) — Universidade Regional de Blumenau – FURB, Blumenau, 2014.

SANTOS, Milton. A urbanização brasileira. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2008.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia histórico-critica: primeiras aproximações. 11. ed. Campinas: Autores Associados, 2013. 130 p.

SILVA, C. A. D. et al. O movimento ciência, tecnologia e sociedade e o ensino tecnológico: uma revisão bibliográfica. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA MECÂNICA (COBEM),15., Águas de Lindóia – SP. Anais [...]. Águas de Lindóia: ABCM/UNICAMP, 2000.

Downloads

Publicado

2023-01-26

Como Citar

DE LIMA LINHARES, A. C.; DIAS COIMBRA, E. A. Tecnologias e práticas de ensino: : reflexões sobre técnica, tecnologia e tecnociência. Humanidades em Perspectivas, [S. l.], v. 4, n. 9, p. 111–121, 2023. Disponível em: https://www.revistasuninter.com/revista-humanidades/index.php/revista-humanidades/article/view/190. Acesso em: 24 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos